Financiar um veículo é uma decisão e tanto. Há vários fatores a considerar e muitas dúvidas devem surgir. Para facilitar a sua vida, separamos algumas respostas para as perguntas mais comuns sobre financiamento de veículos.

Vale destacar que a Price não financia veículos e este post não tem qualquer relação com instituições financeiras que financiam carros. Nosso objetivo é trazer dicas que tornam sua vida financeira mais equilibrada e garantem seus direitos diante de um financiamento.

Vamos aprender?

Como ter o financiamento do carro aprovado na hora?

Há vários fatores a serem considerados por bancos e instituições financeiras para aprovar o financiamento do seu veículos. Alguns dos requisitos são:

  • Bom histórico financeiro
  • Renda comprovada
  • Entrada com um valor considerável
  • Valor do carro
  • Ano do carro – quanto mais novo, maiores as chances de aprovação

Como conseguir a melhor taxa de juros? 

A melhor maneira de reduzir a taxa de juros é reservar uma boa quantia para a entrada. Assim, você pagará menos juros nas parcelas. Para ajudar ainda mais, tente reduzir o número de parcelas, mas sem que isso comprometa sua renda mensal, já que parcelas com valores altos demais tendem a levar ao endividamento.

Pesquise bastante! As taxas de juros variam de instituição para instituição. Se você quiser pagar menos juros, precisa procurar vários bancos e entender quais são as melhores opções para o veículo que você deseja financiar.

Quanto da renda posso comprometer em um financiamento de carro?

Nunca ultrapasse 30% da sua renda fixa em um financiamento de carro. É o que sugerem os especialistas financeiros, economistas e até os próprios bancos. Não é uma boa ideia apertar seu orçamento para realizar um sonho, especialmente quando você tem a ideia de pagar menos juros e quitar a dívida no menor tempo possível. Contratempos existem e podem colocar seu veículo em risco.

Posso financiar o carro sem um valor de entrada? 

Em alguns casos, sim. Tudo depende do seu histórico financeiro e do tal score. Mas essa escolha terá um preço: como dissemos acima, a entrada é uma espécie de garantia, para a instituição financeira, de que o consumidor tem uma maior probabilidade de honrar a dívida, além de amenizar o saldo a ser financiado.

Tudo isso se reflete na taxa de juros e no valor das parcelas. Um financiamento sem entrada pode parecer inofensivo, mas impacta expressivamente no valor final. 

E se eu atrasar as parcelas, o que acontece?

O banco pode entrar com um pedido de busca e apreensão, mesmo que você tenha atrasado apenas uma parcela e há poucos dias. É claro que haverá tentativas de contato com você, além de notificações. Mas, o ideal é manter as parcelas sempre em dia e, no caso de perceber que não poderá pagar uma ou mais parcelas, renegociar com o banco antes que a dívida se torne um problema.

Se você já atrasou uma ou mais parcelas, pode contar com o apoio da Revisão de Contratos para verificar se existem juros abusivos no seu contrato de financiamento, o que possibilita uma renegociação com parcelas muito mais baixas.

Quando uma empresa especializada em revisar contratos e negociar dívidas atua ao seu lado, você pode ficar tranquilo. A negociação acontece fora do tribunal e é completamente amigável, podendo reduzir o valor da dívida em até 70%. Isso significa pagar apenas o que você realmente deve, sem aquelas letrinhas miúdas e valores completamente fora da realidade.

Não importa se você já quitou a dívida. Pode nos consultar para analisar seu contrato, de repente, existem valores que lhe são devidos! E isso é um diferencial enorme para sua vida, pois ainda que você tenha um bom poder aquisitivo, o que é seu é seu, e direito deve ser resgatado, não importa a situação.

Entre em contato conosco e saiba como podemos ajudar na renegociação de dívidas. Pague apenas o que você deve e livre-se da bola de neve criada por instituições financeiras. Proteja seu carro e mantenha o sonho de ter um veículo para chamar de seu sempre seguro.

A Price Soluções Financeiras está aqui para ajudar.